Vegetarianismo: os Benefícios para a Saúde

Home » Alimentos, Dia-a-dia, Dicas, Dietas, Você Sabia? » Vegetarianismo: os Benefícios para a Saúde

on fev. 21, 17 • por • com Sem Comentários

Vegetarianismo: os Benefícios para a Saúde

Pin It

Vegetarianismo está cada vez mais popular, mas você sabe o por quê? Ainda não?

Então, veja alguns dos benefícios de uma dieta vegetariana:

Prevenção do câncer: dietas vegetarianas possuem menos gordura saturada, mais fibra e são repletas de fitoquímicos, nutrientes que combatem o câncer. Estudos feitos na Inglaterra e na Alemanha mostraram que vegetarianos têm aproximadamente 40% menos chance de desenvolver câncer, comparado às pessoas que consomem carne regularmente. Outro dado interessante é que em países onde o consumo de vegetais é maior, como China e Japão, a quantidade de mulheres com câncer de mama é extremamente menor do que nos países ocidentais. E não se trata de genética: nesses mesmos países, mulheres que seguem uma dieta mais “ocidentalizada” têm oito vezes mais chance de desenvolver câncer de mama.

Redução de peso: claro, existem exceções, mas eles tendem a ter menos problemas com a balança. Em uma pesquisa feita em Londres que durou cinco anos, foi descoberto que pessoas que consumiram em média 250 gramas de carne por dia ganharam mais peso do que vegetarianos nesse período de pesquisa, mesmo quando esses ingeriram a mesma quantidade de calorias.

Diabetes: a dieta vegetariana se mostrou benéfica para pessoas afetadas tanto por diabetes do tipo I quanto do tipo II. No caso da diabetes tipo II, com alimentação adequada e exercícios físicos regulares, existe até a possibilidade de eliminação da doença. Já na do tipo I, a dieta vegetariana ajuda a reduzir a quantidade de insulina que precisa ser injetada.

Diminuição da pressão sanguínea: pessoas que não comem carne possuem uma pressão sanguínea menor do que as pessoas que se alimentam dela, pois o fato de não consumir produtos de origem animal diminui a viscosidade do sangue, deixando-o mais fino. Além disso, grande parte dos vegetais e frutas são ricos em potássio, o que ajuda a reduzi-la também.

 

Vegetarianismo: em alta (Imagem: pixabay.com)

Vegetarianismo: em alta (Imagem: pixabay.com)

 

Coração: carnes vermelhas ou processadas possuem teor alto em gordura saturada, que aumenta o colesterol do tipo LDL (ruim), aumentando assim as chances de problemas cardíacos. Além disso, dietas vegetarianas equilibradas são ricas em fibras, que também ajudam a diminuir o colesterol.

Porém, como todos sabem, existem algumas preocupações quando falamos de dietas vegetarianas:

Vitamina B12: encontrada mais comumente em produtos animais, a Vitamina B12 pode ser um problema para vegetarianos, mas que pode ser resolvido com ingestão de leite de soja e cereais fortificados, além de complexos vitamínicos.

Proteína: é importante pesquisar alimentos ricos em proteínas, caso você seja vegetariano. Alguns sintomas de deficiência são metabolismo baixo, fadiga, dores musculares e nas articulações, falta de concentração e imunidade baixa.

Acessibilidade: será este um problema? Mentira! Aliás, isso é coisa do passado. O acesso à alimentação vegetariana cresce a cada dia com restaurantes aparecendo em todos os cantos do país. Além disso, mesmo em alguns tipos de estabelecimentos, não necessariamente vegetarianos, a alimentação vegetariana é predominante, como por exemplo os indianos, israelenses e libaneses. Para acessar o menu dos restaurantes vegetarianos mais próximos de você, é só clicar aqui.

 

 

Tags: , , , , , , , ,

Artigos Relacionados


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


« Artigo Anterior

Scroll to top